Outro gol! Reversão da perda da memória na demência de Alzheimer

O processo de desenvolvimento de novos medicamentos desde os primeiros testes de uma substância até os estudos finais em seres humanos pode levar décadas. Pode depreender-se daí o porquê do esforço em identificar novos usos para substâncias já comercializadas, cujo processo de aprovação seria dramaticamente reduzido. Atualmente, mais de 5 milhões de norte-americanos têm demência…

Autismo, Asperger e o espectro

O chamado “transtorno do espectro autista” é uma categoria diagnóstica relativamente nova, que engloba doenças antes classificadas separadamente: o autismo, a síndrome de Asperger e outros transtornos do desenvolvimento da integração da infância. O termo “espectro” foi introduzido em referência à grande variedade de sintomas e sua gravidade. É uma doença que afeta a habilidade…

Cogumelos mágicos – um alucinógeno no tratamento da depressão?

A psilocibina é um composto presente em algumas espécies de cogumelos do gênero Psilocybe e que ganhou alguma popularidade na década de 60, junto ao movimento hippie. O composto apresenta ação alucinógena e sua estrutura molecular é análoga à do neurotransmissor serotonina. No entanto, a psilocibina atua em receptores serotoninérgicos distintos daqueles em que atuam…

Como lidar com disfunções sexuais secundárias ao uso de antidepressivos?

Um dos efeitos colaterais relativamente comuns durante o uso de antidepressivos alterações do desejo sexual e problemas relacionados a ejaculação, ereção e orgasmo. Estes efeitos são bastante desagradáveis, comprometem a qualidade de vida do paciente e podem resultar em abandono do tratamento. Uma revisão sistemática (veja aqui) das publicações relativas a este assunto foi realizada…

Contraceptivos orais combinados e o risco de trombose

Os contraceptivos orais combinados são amplamente utilizados para evitar a gravidez e consistem na associação de dois hormônios: um estrógeno e um progestógeno. A trombose venosa – formação de coágulo sanguíneo em uma veia – é um evento adverso raro e sério, associado ao uso de contraceptivos orais. O risco de que uma mulher fazendo uso deste método anticoncepcional…

Medicamentos com efeitos anticolinérgicos e demência

O chamado “efeito anticolinérgico” é comum a várias classes de medicamentos e decorre da ação de bloqueio da atividade de um neurotransmissor, a acetilcolina, presente no sistema nervoso central e periférico. Em alguns casos, como nos medicamentos para tratar a Doença de Parkinson, esta é a ação principal do medicamento. No entanto, muitas vezes este…

Medicação SOS

Todos gostaríamos de saber que todas as intervenções terapêuticas habitualmente usadas foram suficientemente avaliadas e desafiadas em estudos bem desenhados e conduzidos de forma adequada. Mas a vida…. Na prática psiquiátrica, a prescrição de medicamentos em regime SOS para pacientes internados é universalmente aceita, significando que eles deverão ser administrados apenas em caso de necessidade….

Tratamento de adultos com déficit de atenção e hiperatividade

O transtorno de déficit de atenção e hiperatividade é um dos distúrbios psiquiátricos mais frequentemente diagnosticados na infância. Muitas vezes os sintomas persistem na idade adulta, atingindo entre 1% e 6% da população. As taxas de outros problemas psiquiátricos em adultos com TDAH são maiores e eles apresentam dificuldades funcionais relacionadas a desempenho acadêmico, relações…

Distinção entre antipsicóticos de primeira e segunda geração

A esquizofrenia é considerada uma doença crônica e debilitante, que afeta cerca de 1% da população. Ao contrário de muitas doenças, onde a fisiopatologia direciona a síntese de novos medicamentos, na esquizofrenia, foi a descoberta fortuita de que uma substância que atua no sistema dopaminérgico do cérebro melhorava delírios e alucinações, que propiciou o surgimento…

Déficit de atenção e hiperatividade em crianças e adolescentes

O déficit de atenção e hiperatividade é uma doença comum, altamente hereditária, que apresenta padrões de desatenção, hiperatividade e impulsividade, e que pode persistir e impactar as relações sociais ao longo da vida. No entanto, as inúmeras incertezas quanto ao tratamento dessa doença deixam grande parte das necessidades clínicas destes pacientes desassistidas. Os maiores desafios…