Antipsicóticos off-label para adolescentes

Os antipsicóticos vêm sendo cada vez mais utilizados em adolescentes não psicóticos em situações não recomendadas na bula dos medicamentos (“off-label”), como já comentamos aqui, por exemplo. Na sequência, a preocupação com os efeitos adversos cardiometabólicos, em especial a diabetes tipo 2, aumentou também. Pesquisadores conduziram uma revisão sistemática (veja o resumo) para avaliar o…

Contraceptivos orais combinados e o risco de trombose

Os contraceptivos orais combinados são amplamente utilizados para evitar a gravidez e consistem na associação de dois hormônios: um estrógeno e um progestógeno. A trombose venosa – formação de coágulo sanguíneo em uma veia – é um evento adverso raro e sério, associado ao uso de contraceptivos orais. O risco de que uma mulher fazendo uso deste método anticoncepcional…

Medicamentos com efeitos anticolinérgicos e demência

O chamado “efeito anticolinérgico” é comum a várias classes de medicamentos e decorre da ação de bloqueio da atividade de um neurotransmissor, a acetilcolina, presente no sistema nervoso central e periférico. Em alguns casos, como nos medicamentos para tratar a Doença de Parkinson, esta é a ação principal do medicamento. No entanto, muitas vezes este…

Antidepressivos podem ajudar a parar de fumar?

Alguns medicamentos e suplementos utilizados no tratamento da depressão têm sido testados como terapia para pessoas que querem parar de fumar. Os antidepressivos bupropiona e nortriplina costumam ser prescritos a estes pacientes. Uma revisão avaliou se o uso destes antidepressivos aumentou a chance de os pacientes permanecerem em abstinência de cigarro por seis meses ou mais. Os estudos com…